Novo

Sambre - BD


Uma grande obra de Yslaire, a primeira Saga Sambre em 5 volumes foi publicado entre 1984 e 2003. 19 anos para 5 volumes, isso é bastante excepcional no campo dos quadrinhos e os seguidores de Sambre esperaram pacientemente por 7 anos pelo lançamento do último volume. Sambre, este é Balzac em quadrinhos disse alguns, e não está errado. A partir de um magnífico desenho escuro onde apenas o vermelho ilumina o escuro dos quadros, Sambre é uma obra gráfica de primeira linha.

Resumo (retirado do site de Yslaire)

Estamos em 1848, às vésperas da revolução. Hugo Sambre, o patriarca da família, suicidou-se ao deixar inacabado um manuscrito que retrata a vida de sua família, A Guerra dos Olhos. Durante o funeral de seu pai, Bernard Sambre conhece Julie, uma jovem caçadora de olhos vermelhos. O raio desperta a maldição que paira sobre a família. A mãe de Bernard é assassinada por Sarah, sua própria filha, que não hesita em acusar Julie ... "Ai de quem ama a criatura de olhos vermelhos, pois quem vai chorar, sua vida, lágrimas de sangue ..."

Julie parte para Paris deixando recado para Bernard Sambre: Sei que você virá. Bernard decide ir a Paris para resolver os problemas de herança e, ele espera, encontrar Julie. Por sua vez, ela encontra o Vigário, que acredita ser seu pai. O encontro termina em uma briga de punhos, e Julie se refugia com o pintor Valdieu, que tem um estúdio na mansão de Hugo Sambre. Em breve, Julie e Bernard vão morar no mesmo lugar, sem saber ou se cruzar.

Fevereiro de 1848. Paris acorda ao som da revolução. “… Somos cem, em uma hora seremos mil! A pêra é acelga! Novas temporadas estão chegando !! " Egon Valdieu quer fazer de Julie sua musa, como Delacroix vinte anos antes com Olympe de Castelbalac.

Nas barricadas, Julie se torna o símbolo da liberdade em movimento, como Valdieu havia imaginado. Ao encontrar Julie nas barricadas revolucionárias, Bernard cai sob as balas do exército.

Setembro de 1856. Julie, condenada a trabalhos forçados perpétua após ser deportada para a Argélia, vive há três anos na prisão de Brest. Tendo se tornado a número 3492, ela não conhecia os filhos que deu à luz oito anos antes. Dois gêmeos fraternos. Uma menina que morreu no parto e um menino, Bernard-Marie, que foi roubado dela. Ele é criado por sua tia Sarah, irmã de Bernard Sambre. Sem hesitar em reescrever a história, ela cultiva com ele o culto ao pai, em detrimento da mãe Julie, descrita como uma mulher de má vida. Bernard-Marie percebe que ela está mentindo e Sarah a tranca no cofre de Sambre. Atacada por um rato, o último dos Sambre agora está com os olhos vermelhos ...

Nossa opinião

A ambição de Yslaire era torná-la uma saga de três gerações em 12 volumes, de Bernard (1847) a Nelson (1871). Apenas 5 volumes foram lançados desde 1984 e a este ritmo, pode-se pensar que esta série permanecerá inacabada.

Perante a impossível tarefa de terminar o Sambre, Yslaire juntou-se a jovens autores para produzir uma nova série que retoma a história do Pai, Hugo Sambre, e que se intitula "A guerra do Sambre" em três volumes. até o momento, à taxa de um volume por ano.

A Guerra Sambre é sem dúvida um sucesso também, mas alguns lamentam que Yslaire tenha confiado o desenho a jovens autores, que apesar do seu talento, não sabiam necessariamente como manter a magia dos desenhos de Yslaire da primeira Saga.

Talvez os olhos de Yslaire (vermelhos?) Fossem maiores que seu estômago ...

Sambre

Glénat Edition

Desenho: Yslaire

Roteiro: Yslaire e Balac (volumes I e II)

Encontre todos os episódios de Sambre na loja.

Segunda geração de Sambre (1847-1848) - Bernard & Julie

1. Não é mais nada para mim (1986)

2. Eu Sei que Você Virá, (1990)

3. Revolução, revolução ... (1993), republicado com o título Liberdade, liberdade ... (2003)

4. Devemos Morrer Juntos? (1996)

Terceira geração de Sambre (1856-1862) - Bernard-Marie e Judith

1. Maldito seja o fruto de seu ventre (2003)

2. O mar visto do purgatório, em breve

3. Nossos olhos, nosso cabelo, nosso orgulho, aparecem

4. Aquele que meus olhos não veem, que apareça

Sambre última geração (1862-1871) - Nelson e Judith

1. Fora dos marcos, em breve

2. Les Cerises de Mademoiselle Dyeu, a ser publicado

3. Todas as raivas de esperança, vindouras

4. O Último do Sambre, em breve

A Guerra Sambre

Edição Futuropolis / Glénat

Roteiro: Yslaire

Desenhos e cores: Jean Bastide e Vincent Mezil

livro I (1830-1847) - Hugo e Iris

1. Casamento de Hugo (2007)

2. Paixão de acordo com Iris (2008)

3. The Watching Moon, (2009)


Vídeo: Chaland (Agosto 2021).