Novo

Tornando-se um príncipe: a escola de poder na França


As edições do CNRS acabam de disponibilizar uma versão de bolso do livro de Pascale Mormiche, Torne-se um príncipe. A escola de poder na França nos séculos 17 a 18, resultante de sua tese.

Um assunto raramente mencionado

A educação dos príncipes foi um assunto por muito negligenciado, permitindo que a crença popular de que eles tinham sido mal educados se instalasse. Este truísmo parecia impor-se com ainda mais evidências para aqueles do fim do Antigo Regime. A questão da educação de Luís XVI tornou-se assim um problema em si mesma e Pierrette Girault de Coursac, uma de suas principais hagiógrafo, dedicou sua tese a ela.

Pascale Mormiche oferece aqui o estudo mais completo que podemos encontrar sobre a educação dos príncipes franceses nos tempos modernos. E esse foi um estudo muito necessário. Ela disseca tudo: desde métodos e tratados educacionais, passando por redes de pessoal e de poder, até o ideal de príncipe que essas educações veiculam.

Sua abordagem diacrônica permite compreender melhor as evoluções da educação e o que elas revelam sobre o pensamento de uma época. Em particular, seguimos as fortunas maiores ou menores da filosofia, latim e história ao longo do tempo. Aprendemos como a educação real gradualmente se distinguiu daquela dos príncipes de sangue. Descobrimos o papel crescente da ciência e a relutância que ela desperta. Finalmente, encontraremos a resposta para quase todas as perguntas que poderíamos nos fazer sobre o assunto. Tudo o que escapa dessa soma é o que diz respeito à educação oral e que, por definição, não deixou rastros.

Não obstante, há aqui um pesar a expressar. A tese não é um trabalho dirigido ao público, mesmo que diga respeito aos alunos. O autor abrange dois séculos inteiros e muitos príncipes, nem sempre é fácil estar familiarizado com o staff de cada um deles e um esclarecimento para uma maior legibilidade sem dúvida teria sido apreciado. Em suma, teria sido desejável que esta nova edição se beneficiasse de um trabalho editorial mais extenso e, pelo menos, livre de seus inúmeros erros de digitação.

Nossa opinião

Este é um trabalho muito essencial para os estudos curiais nos tempos modernos, mas permanece relativamente difícil de acessar. Os entusiastas serão, entretanto, capazes de superar essa restrição enquanto esperam que um editor proponha ao autor a produção de uma versão verdadeiramente popularizada.

Pascale Mormiche, Tornando-se um Príncipe. A escola do poder na França nos séculos 17 e 18, Editions du CNRS, janeiro de 2015.


Vídeo: A REVOLUÇÃO FRANCESA EM 5 MINUTOS! - Débora Aladim (Dezembro 2021).