Em formação

Secretarias de Transporte


O Departamento de Transporte foi estabelecido por um ato do Congresso em 15 de outubro de 1966, o primeiro dia oficial de operação do Departamento foi 1º de abril de 1967. A missão do departamento é servir os Estados Unidos garantindo um serviço rápido, seguro e eficiente. sistema de transporte acessível e conveniente que atenda aos nossos interesses nacionais vitais e melhore a qualidade de vida do povo americano, hoje e no futuro. O Secretário de Transporte é o principal assessor do presidente em todos os assuntos relacionados aos programas de transporte federal. companhias aéreas, aplicando os regulamentos de proteção ao consumidor de companhias aéreas, emissão de regulamentos para prevenir o uso indevido de álcool e drogas ilegais em sistemas de transporte e preparando a legislação de transporte.

Termos de serviço

secretárioEstado de origemAdministração

1967 - 1969

Alan S. BoydFlóridaLIBRA. Johnson

1969 - 1973

John A. VolpeMassachusettsNixon

1973 - 1974

Claude S. BrinegarCalifórniaNixon

1974 - 1975

Ford

1975 - 1977

William T. Coleman Jr.PensilvâniaFord

1977 - 1979

Brockman AdamsWashingtonCarter

1979 - 1981

Neil E. GoldschmidtOregonCarter

1981 - 1983

Andrew L. Lewis Jr.PensilvâniaReagan

1983 - 1987

Elizabeth H. DoleKansasReagan

1987 - 1989

James H. Burnley IVWashington DC.Reagan

1989 - 1991

Samuel K. SkinnerIllinoisG.H.W. arbusto

1992 - 1993

Andrew H. Card Jr.MassachusettsG.H.W. arbusto

1993 - 1997

Federico F. PeñaColoradoClinton

1997 - 2001

Rodney E. SlaterArkansasClinton

2001 -

Norman Y. MinetaCalifórniaG.W. arbusto

HistoryLink.org

Cem anos depois, a população de Washington ultrapassa os seis milhões - e quase três milhões de veículos particulares viajam mais de 55 bilhões de milhas nas ruas, estradas e rodovias de nosso estado todos os anos.

Essa cronologia marca os principais marcos na evolução do sistema de transporte de Washington ao longo de um século de progresso, desafio e inovação.

O governador Albert E. Mead assina a lei para o Conselho de Rodovias do Estado e o Comissário em 13 de março de 1905. O Comissário de Rodovias Joseph M. Snow e o Conselho de Rodovias realizam sua primeira reunião em 17 de abril de 1905.

O primeiro automóvel cruzou a passagem de Snoqualmie em junho de 1905.

O primeiro avião em Washington é demonstrado em Georgetown, perto de Seattle, em março de 1910.

O governador Marion E. Hay assina a "Lei Permanente das Rodovias", impondo o controle do estado sobre as principais rodovias e cobrando um imposto rodoviário de uma usina, em 8 de março de 1911.

Henry L. Bowlby atua como Comissário da Rodovia, 1909-1911.

Os engenheiros estaduais começaram a fazer experiências com pavimentação de concreto em 1912.

O estado assume a ponte com pedágio particular entre Clarkston e Lewiston, tornando-a a primeira ponte interestadual pública de Washington, em 4 de dezembro de 1913.

William R. Roberts atua como Comissário da Rodovia, 1911-1913, sucedido por William R. Roy, 1913-1916.

O governador Ernest Lister inaugura a Sunset Highway (agora I-90) em Snoqualmie Pass em 1º de julho de 1915.

O presidente Woodrow Wilson assina o Federal Aid Road Act em 11 de julho de 1916.

James Allen atua como comissário de rodovias, 1916-1921.

Os condados de Clark e Multnomah inauguram a ponte interestadual do rio Columbia em 14 de fevereiro de 1917.

O Corpo de Engenheiros do Exército dos EUA inaugura as eclusas do governo no Canal de Navios do Lago Washington em 4 de julho de 1917.

As primeiras pistas de pouso públicas são desenvolvidas em Spokane (Felt's Field) e Seattle (Sand Point) em 1920.

O Conselho Estadual de Estradas de Rodagem é substituído pelo Comitê Estadual de Rodovias (governador, auditor estadual e tesoureiro estadual) em 1921 e uma Divisão de Rodovias é criada em um novo Departamento de Obras Públicas. James Allen atua como Supervisor de Rodovias até 1923 e, em seguida, como Engenheiro de Rodovias até 1925.

Washington cobra seu primeiro imposto sobre a gasolina, um centavo por galão para arrecadar US $ 900.000 anualmente, em março de 1921.

A Divisão de Rodovias estabelece o primeiro Laboratório de Teste de Rodovias Estaduais (agora Laboratório de Materiais) em Olympia em julho de 1921.

O estado empreende os primeiros serviços de remoção de neve nas passagens nas montanhas Cascade no inverno de 1922-1923.

O Legislativo remove rodovias do Departamento de Obras Públicas e as coloca sob um Engenheiro Rodoviário Estadual em 1923.

A State constrói sua primeira ponte de treliça de aço de dimensão padrão sobre o rio Dosewallips em agosto de 1923.

O trecho final de 36 milhas da Pacific Highway foi pavimentado entre Kalama e Toledo para completar a State Road No. 1 (agora 99) em outubro de 1923.

Os limites atuais para seis escritórios regionais de rodovias estaduais, cada um chefiado por um Engenheiro Distrital, foram estabelecidos em 1925 (uma construção interestadual temporária dirigida pelo sétimo distrito na área de Puget Sound entre 1957 e 1975).

J. W. Hoover atua como Engenheiro de Rodovias, 1925-1927.

A primeira ponte Vantage sobre o rio Columbia é inaugurada em 8 de setembro de 1927 (substituída em 1962).

Samuel J. Humes foi engenheiro de rodovias de 1927 a 1929 e, em seguida, diretor de rodovias até 1933.

O Departamento de Rodovias se torna um departamento de código separado em 14 de março de 1929.

A Private Longview Bridge (agora Lewis and Clark Bridge) é inaugurada como a mais longa ponte cantilever da América do Norte em 29 de março de 1930 (o estado a comprou em 1947).

O estado começa a operar a balsa Keller no rio Columbia em 1930.

Olympic Loop Highway (U.S. 101) inaugura de 26 a 27 de agosto de 1931.

George Washington Memorial Bridge (Aurora Bridge) é inaugurado em 22 de fevereiro de 1932.

A legislatura aprova US $ 10 milhões em títulos de alívio de emergência para obras rodoviárias, financiados em parte com o imposto sobre o gás, em fevereiro de 1933. Esta é a primeira dívida garantida pelo estado para estradas.

Lacey V. Murrow atua como Diretora de Rodovias, 1933-1940.

O Departamento de Rodovias estabelece as primeiras estações de pesagem de caminhões em 1933.

As pontes Deception Pass e Canoe Pass foram abertas entre as ilhas Whidbey e Fidalgo em julho de 1935.

Balsa Black Ball Kalakala entra em serviço em 3 de julho de 1935 (o Estado o aposenta em 1967).

A legislatura aprova um novo código de rodovias abrangente, aumenta o limite de velocidade para 50 m.p.h. e cria uma nova Autoridade de Pontes de Pedágio dentro do Departamento de Rodovias em março de 1937.

A Tacoma Narrows Bridge é inaugurada em 1º de julho de 1940, e a Lake Washington Floating Bridge (ou Mercer Island Bridge, agora Lacey V. Murrow Floating Bridge) é inaugurada no dia seguinte.

A ponte Tacoma Narrows desaba durante uma tempestade de vento em 7 de novembro de 1940.

Burwell Bantz atua como Diretor de Rodovias, 1941-1945.

Durante a Segunda Guerra Mundial, o racionamento de gás é imposto e os limites de velocidade máxima são reduzidos para 35 m.p.h. A Represa Grand Coulee e a reserva nuclear de Hanford são concluídas.

Os eleitores aprovam a Emenda 18 à constituição estadual, limitando todas as receitas fiscais relacionadas ao transporte aos usos das rodovias, em 7 de novembro de 1944.

Clarence Hickey morre logo após ser nomeado Diretor de Rodovias em 1945, e é sucedido por Clarence Shain, 1945-1949.

A legislatura passa a primeira autorização para rodovias de acesso limitado e estabelece uma Comissão de Aeronáutica em março de 1947.

William A. Bugge atua como Diretor de Rodovias, 1949-1963.

A ponte Agate Pass entre a Ilha Bainbridge e a Península Kitsap é inaugurada em 7 de outubro de 1950.

A ponte Tacoma Narrows de substituição é inaugurada em 14 de outubro de 1950.

A Washington State Toll Bridge Authority adquire a Black Ball Line, a um custo de US $ 6,8 milhões, para estabelecer a Washington State Ferries em 1º de junho de 1951.

A legislatura reorganiza o Departamento de Rodovias sob uma nova Comissão de Rodovias de cinco membros a partir de 1º de julho de 1951.

A rodovia White Pass (SR 12) foi inaugurada oficialmente em 12 de agosto de 1951.

A primeira parte do viaduto Alaskan Way de Seattle entre as ruas Battery e Dearborn foi inaugurada em 4 de abril de 1953.

As pontes Steamboat Slough e Snohomish River em Everett, Skagit River Bridge em Mt. Vernon, Chehalis River Bridge em Aberdeen e Wenatchee River Bridge, todas inauguradas entre 1954 e 1956.

O Departamento de Rodovias começa a usar seu primeiro "computador", um IBM Cardatype, em março de 1956.

O presidente Dwight D. Eisenhower assina o novo Federal Aid Highway Act, que aumenta a compatibilidade federal para 90 por cento para criar um "Sistema de rodovias interestaduais e de defesa" em 29 de junho de 1956.

O desvio da Olympia Freeway (uma parte da futura I-5) será inaugurado em 12 de dezembro de 1958.

A ponte com pedágio da interestadual Vancouver-Portland sobre o rio Columbia é inaugurada em janeiro de 1960.

A primeira parte da Interestadual 5 é inaugurada em Tacoma em 21 de dezembro de 1960.

A Legislatura do Estado de Washington adota a Lei de Controle de Publicidade em Rodovias para remover outdoors em março de 1961 (quatro anos antes da Lei Nacional de Embelezamento de Rodovias).

A ponte flutuante do Canal Hood abre ao tráfego em 12 de agosto de 1961.

A Feira Mundial "Century 21 Exposition" de Seattle abre em 21 de abril de 1962.

Charles G. Prahl atua como Diretor de Rodovias, 1963-1969.

A ponte flutuante Evergreen Point (agora Albert D. Rosellini) é inaugurada em 28 de agosto de 1963.

A Interstate 5 abre para o tráfego entre Seattle e Everett em 3 de fevereiro de 1965, e as faixas reversíveis de Seattle abrem em junho.

A Interestadual 405 é aberta entre Renton e Tukwila em 3 de setembro de 1965.

Com a participação do estado de Washington, o Departamento de Rodovias do Oregon conclui a ponte Astoria-Megler sobre o rio Columbia em 27 de agosto de 1966.

Primeiro "superferry", Hyak, é lançado em San Diego em 17 de dezembro de 1966.

George H. Andrews atua como Diretor de Rodovias, 1969-1975.

O viaduto da 4ª Avenida de Spokane foi concluído em setembro de 1969.

A parte final do I-5 é concluída em 14 de novembro de 1969.

O Departamento de Rodovias ocupa sua atual sede em Olympia em 1970.

Ações ambientais são movidas para interromper a construção da Interestadual 90 em 28 de maio de 1970.

A Fred Redmon Memorial Bridge é inaugurada na I-82 sobre Selah Creek em 2 de novembro de 1971.

Jumbo Ferries Spokane e Walla Walla são lançados em 1972.

A rodovia North Cascades (SR 20) é inaugurada entre Newhalem e Winthrop em 2 de setembro de 1972.

Os eleitores do condado de King aprovam a criação do Metro Transit em 19 de setembro de 1972.

As primeiras barreiras acústicas de autoestradas do estado e as primeiras faixas de "veículos de alta ocupação" (HOV) foram introduzidas em 1973.

A Feira Mundial de Spokane "Expo 7" abre em 4 de maio de 1974.

O embargo do petróleo da OPEP estimula o Congresso a aprovar a Lei Nacional de Transporte de Massa, que fornece o primeiro auxílio federal para os custos operacionais de trânsito, e a impor 55 m.p.h. limite de velocidade da autoestrada em 1974 (levantado em 1996).

William A. Bulley foi o último Diretor de Rodovias, 1975-1977.

A legislatura concede aos governos locais autoridade para criar áreas de benefício de transporte público para fornecer serviços de trânsito em 1975.

Highway Commission assina memorando de entendimento para o projeto revisado da I-90 com Seattle, Mercer Island, Bellevue e King County em 21 de dezembro de 1976.

A seção de 11 milhas da I-205, contornando Vancouver, foi aberta ao tráfego em 22 de dezembro de 1976.

O Novo Departamento de Transporte do Estado de Washington, dirigido por uma Comissão de Transporte, começa formalmente a operar em 21 de setembro de 1977. A Comissão nomeia William A. Bulley como o primeiro Secretário de Transporte.

A inovadora ponte intermunicipal estaiada é inaugurada em Columbia entre Pasco e Kennewick em setembro de 1978.

No primeiro projeto de reabilitação de uma linha férrea no oeste, WSDOT começa a trabalhar em uma linha de ramal de 61 milhas entre Metaline Falls e Newport em 1979.

A metade oeste da ponte flutuante do Canal Hood afunda durante uma forte tempestade em 13 de fevereiro de 1979.

Os tribunais federais suspendem a liminar sobre a construção final da I-90 entre Seattle e I-405 em 24 de agosto de 1979.

O Monte Santa Helena entra em erupção em 18 de maio de 1980, destruindo grande parte do SR 504 e fechando temporariamente mais de 1.600 quilômetros de rodovias estaduais.

Primeiro de uma nova classe de balsas, o Issaquah, é lançado em 29 de dezembro de 1980.

Duane Berentson atua como Secretário de Transporte, 1981-1993.

Os primeiros medidores de rampa "FLOW" são instalados na I-5 em 30 de setembro de 1981.

A ponte sobressalente do canal do capô abre ao tráfego em 3 de outubro de 1982.

As pontes gêmeas I-182 foram abertas entre Richland e Pasco em 27 de novembro de 1984.

A terceira ponte flutuante sobre o Lago Washington (mais tarde nomeada em homenagem a Homer M. Hadley) foi inaugurada em 4 de junho de 1989.

A Legislatura do Estado de Washington promulga a Lei de Transporte de Alta Capacidade, autorizando os Planos do Sistema de Trânsito Regional e a Lei de Gestão do Crescimento (GMA), primeiro mandato estadual para planejamento abrangente, em 1990.

Durante a reconstrução, a ponte flutuante Lacey V. Murrow original de 1940 afundou durante uma violenta tempestade em 25 de novembro de 1990.

O presidente George H. W. Bush assina a Lei de Eficiência no Transporte de Superfície Intermodal, ampliando as políticas federais de transporte e financiamento, em 18 de dezembro de 1991.

Sid Morrison atua como Secretário de Transporte, 1993-2001.

O Departamento de Transporte lança seu primeiro site em 1994.

A State inaugura seu primeiro "Trem de grãos" servindo o porto de Walla Walla no outono de 1994.

A Comissão de Transporte adota o primeiro plano de transporte de 20 anos, integrando todas as formas de transporte de superfície em cada um dos 39 condados do estado, na primavera de 1996.

Washington State Ferries lança sua primeira balsa Jumbo Mark II, a Tacoma, em 29 de agosto de 1996.

Os eleitores do condado de King, Pierce e Snohomish aprovam o plano "Sound Transit" de US $ 3,9 bilhões em 5 de novembro de 1996.

O programa Rideshare, coordenado pelas autoridades estaduais e locais de trânsito, começa nos condados de Thurston, Pierce, King, Kitsap e Snohomish em dezembro de 1996.

A ponte estaiada sobre a Thea Foss Waterway de Tacoma, na SR 509, foi inaugurada em 22 de janeiro de 1997.

Johnston Ridge Observatory no Mount St. Helens e a seção final da Spirit Lake Memorial Highway (SR 504) foram inaugurados em 17 de maio de 1997.

Washington State Ferries lança sua primeira balsa exclusiva para passageiros, Chinook, em 15 de maio de 1998.

Os eleitores estaduais aprovam o Referendo 49, que reduz o Imposto sobre Produtos Automotivos (MVET), realoca fundos de transporte e autoriza US $ 1,9 bilhão em títulos para financiar US $ 2,3 bilhões em projetos de transporte em 3 de novembro de 1998.

O estado aprova uma proposta de "Novos Parceiros" de US $ 350 milhões para uma nova ponte com pedágio em Tacoma Narrows em 18 de novembro de 1998.

Com financiamento e ajuda do estado, a Amtrak inaugura o serviço ferroviário "Cascades" entre Eugene e Seattle com três novos trens "Talgo" em 11 de janeiro de 1999.

Os eleitores aprovam a Iniciativa 695, limitando MVET anual a $ 30, em 2 de novembro de 1999. A Suprema Corte posteriormente anula a iniciativa, mas o Legislativo mantém o teto MVET.

A Comissão Estadual da Fita Azul sobre Transporte propõe grandes reformas e novas estratégias de financiamento em 29 de novembro de 2000.

Um grave terremoto perto de Olympia causou mais de US $ 1 bilhão em danos a estradas e infraestrutura em 28 de fevereiro de 2001.

Douglas B. MacDonald se torna Secretário de Transporte em 2001.

Ataques terroristas desligaram temporariamente muitos sistemas de transporte em 11 de setembro de 2001 e aumentaram as precauções de segurança para aeroportos, balsas, ferrovias e rodovias.

Os eleitores rejeitam o plano de transporte do Referendo 51 e o aumento do imposto sobre o gás, enquanto aprovam a Iniciativa 776, que visa limitar as sobretaxas MVET locais, em 5 de novembro de 2002.

O aumento do imposto de gás de cinco centavos por galão entra em vigor em 1º de julho de 2003, para financiar US $ 4,2 bilhões em "projetos de níquel" prioritários.

WSDOT hoje

Hoje, WSDOT gasta mais de US $ 1 bilhão anualmente para planejamento, construção, operação, manutenção e gerenciamento de elementos-chave de um sistema de transporte "multimodal" complexo, incluindo mais de 7.000 milhas de rodovias estaduais (apenas 9 por cento do total de milhas rodoviárias, mas transportando quase 60 por cento de todo o tráfego), uma frota da Washington State Ferries atendendo a mais de 25 milhões de passageiros anuais, 16 aeródromos de emergência e serviços ferroviários especiais para passageiros e cargas. (Contracapa)

2005 e além.

Hoje, a Comissão de Transporte do Estado de Washington e o Departamento de Transporte do Estado de Washington enfrentam tarefas e desafios novos e antigos. Ao atualizar seu plano de 20 anos, a Comissão de Transporte identificou questões-chave para inovação, investimento e melhoria, incluindo -

    Atender às necessidades de transporte dos 2 milhões de cidadãos adicionais que devem viver em Washington até 2030.

Em parceria com os governos federal e local, o setor privado e, acima de tudo, o povo de nosso estado, a Comissão de Transporte do Estado de Washington e o Departamento de Transporte estão trabalhando para manter Washington em movimento no século XXI.

Ponte flutuante Lacey V. Murrow reconstruída (à direita) e a nova ponte Homer M. Hadley através do Lago Washington, outubro de 2001

HistoryLink.org Foto de Priscilla Long

Em zigue-zague da Sunset Highway perto de Snoqualmie Pass, ca. 1915

Ponte Lewiston-Clarkston que atravessa o Rio Snake entre Clarkston, Washington, e Lewiston, Idaho, década de 1910

Cartão postal cortesia das bibliotecas da Washington State University

Base de concreto para pavimentação da Pacific Highway, perto de Kent, 1910

Ponte do rio Dosewallips, 1993

Foto de Jet Lowe, Cortesia da Historic American Engineering Record

Capa do folheto promocional da Lake Washington Floating Bridge (posteriormente renomeada para Lacey V. Murrow Memorial Bridge), ca. 1940

Rodovia Olímpica perto do Lago Quinault, ca. 1937

Balsa Kalakala, ca. 1960

Estrada Ellensburg - Cle Elum, Condado de Kittitas, década de 1940

Cortesia Washington Rural Heritage (TRN154)

Agate Pass Bridge, 21 de novembro de 2004

HistoryLink.org Foto de Priscilla Long

Ponte Astoria-Megler sobre o rio Columbia, vista de Astoria, Oregon, 16 de agosto de 2002

HistoryLink.org Foto por Kit Oldham

Ponte Fred Redmon sobre o desfiladeiro Selah Creek, I-82, Condado de Yakima, 17 de outubro de 2008


Secretário de Transporte Pete Buttigieg

Pete Buttigieg atualmente atua como o 19º Secretário de Transporte, tendo sido empossado em 3 de fevereiro de 2021.

Antes de ingressar na administração Biden-Harris, o secretário Buttigieg serviu por dois mandatos como prefeito de sua cidade natal, South Bend, Indiana. Graduado pela Harvard University e Rhodes Scholar em Oxford, Buttigieg serviu por sete anos como oficial na Reserva da Marinha dos EUA, tirando uma licença do gabinete do prefeito para uma implantação no Afeganistão em 2014.

Ele é filho de Joseph Buttigieg, que imigrou de Malta para os Estados Unidos, e de Jennifer Anne Montgomery, uma Hoosier de quinta geração.

Crescendo em South Bend, que já foi o lar da fabricação de automóveis Studebaker, Pete Buttigieg, como muitos outros americanos no meio-oeste industrial, cresceu cercado por fábricas vazias e casas abandonadas, às vezes ouvindo que a única maneira de um bom futuro era chegar Fora.

Ele voltou para o meio-oeste depois da escola, trabalhou no setor privado e foi eleito prefeito de South Bend em 2011 com o foco em entregar um novo futuro para a cidade por meio de uma nova abordagem à política e ideias ousadas.

Logo conhecido como "Prefeito Pete", Buttigieg trabalhou em todo o corredor para transformar o futuro de South Bend e melhorar a vida cotidiana das pessoas. A renda familiar cresceu, a pobreza caiu e o desemprego foi reduzido pela metade. A cidade estabeleceu novos recursos para estender a oportunidade e o acesso à tecnologia para todos os residentes, e ele lançou uma iniciativa de “Ruas Inteligentes” para melhorar o design das ruas no centro da cidade e no West Side historicamente sem recursos. Essa estratégia do Complete Streets levou a benefícios que incluíram o crescimento de pequenas empresas ao longo de corredores anteriormente negligenciados e centenas de milhões de dólares em novos investimentos privados no centro, antes vazio.

Sua liderança ajudou a estimular o crescimento do emprego em toda a cidade e facilitou parcerias público-privadas inovadoras como o Commuters Trust, um programa de benefícios criado para melhorar a experiência de transporte da cidade para os trabalhadores.

Ao mesmo tempo, o prefeito Pete trabalhou para construir uma comunidade de South Bend onde todos os residentes pudessem se sentir seguros e incluídos. Sua iniciativa de cartões de identificação municipal para residentes ajudou a tirar os imigrantes indocumentados das sombras, enquanto uma incubadora de pequenas empresas estabelecida em um bairro historicamente negro trabalhava para expandir a oportunidade, e uma onda de investimento foi para consertar ou remover casas abandonadas em famílias de baixa renda bairros.

Em 2019, ele lançou sua campanha histórica para presidente. Ao longo de 2020, ele fez campanha para a eleição da chapa Biden-Harris e atuou no conselho consultivo para a transição presidencial. Em dezembro, ele foi indicado pelo presidente eleito Biden para secretário de transporte. Ele foi confirmado pelo Senado em 2 de fevereiro de 2021, tornando-se a primeira pessoa assumidamente gay confirmada para servir no gabinete de um presidente.

O secretário Buttigieg mora com seu marido Chasten e seus cães de resgate, Buddy e Truman.


Mulheres na História do Transporte: Elizabeth Dole, 1ª Secretária de Transporte dos EUA

Em 1983, Elizabeth “Liddy” Dole foi nomeada pelo presidente Ronald Reagan para servir como a oitava secretária de transportes dos EUA. Ela foi a primeira mulher a desempenhar esse papel.

As realizações de Dole como secretária de transportes incluíram facilitar a transferência do controle do Aeroporto Washington National (agora Ronald Regan National) e do Aeroporto Internacional Washington Dulles da Administração Federal de Aviação para uma autoridade regional independente. Ela também supervisionou a privatização da ferrovia Conrail, subsidiada pelo governo federal.

O mandato da Dole no Departamento de Transporte dos EUA (USDOT) também foi definido por várias iniciativas de segurança no transporte. Essas iniciativas incluíram o trabalho com grupos como a organização sem fins lucrativos MADD (Mothers Against Drunk Driving) para reduzir o uso de álcool e drogas em todo o país, promovendo o aumento do uso do cinto de segurança pelo público e fornecendo incentivos para os fabricantes instalarem airbags em automóveis novos. A Dole também defendeu fortemente a instalação de luzes de freio montadas no centro em automóveis novos como uma medida de segurança fundamental. Essas luzes, que foram exigidas pela Administração Nacional de Segurança de Tráfego Rodoviário, tornaram-se amplamente conhecidas como "Luzes Liddy".

Quando Elizabeth Dole renunciou ao cargo de secretária de transportes em 1987 para ajudar seu marido Bob Dole a concorrer à presidência, Reagan destacou suas contribuições para a segurança. “Por causa de sua ênfase pessoal na segurança do transporte, agora é uma prioridade nacional”, afirmou Reagan em sua carta aceitando sua renúncia. “Incontáveis ​​vidas foram salvas e ferimentos incapacitantes evitados em nossas rodovias, ferrovias e no ar por causa de sua liderança.”


Secretários de Transporte - História

Conselho do Departamento de Transporte:

- NC Board of Transportation
- NC Turnpike Authority Board
- NC Ports Authority Board
- Conselho da NC Global Transpark

Autoridade Estatutária do NC para o Departamento de Transporte

O Departamento de Transporte está autorizado pelo Estatuto Geral 143B, Artigo 8, Parágrafo 143B-345:

& quotFoi criado e estabelecido um departamento que será conhecido como Departamento de Transportes com a organização, poderes e deveres definidos no Artigo 1 do Capítulo 143B, exceto conforme modificado neste Artigo. & quot

Clique Aqui para visualizar todo o Estatuto, que descreve com mais detalhes todas as funções do Departamento de Transportes.

História do Departamento de Transporte: O Departamento de Transporte da Carolina do Norte (NCDOT) foi formado em 1915 como Comissão Estadual de Rodovias. Em 1941, o Departamento de Veículos Motorizados (DMV) foi formado sob o NCDOT por uma Lei da Assembleia Geral. O Ato de Organização Executiva de 1971 combinou a Comissão Estadual de Rodovias e o DMV para formar o Departamento de Transporte e Segurança Rodoviária. Em 1979, a Segurança Rodoviária foi abandonada quando a Patrulha Rodoviária Estadual da Carolina do Norte (NCSHP) foi transferida para o Departamento de Controle do Crime e Segurança Pública da Carolina do Norte. O Departamento de Transporte e Segurança Rodoviária foi criado pela Lei de Organização Executiva de 1971. O Departamento de Rodovias, o Departamento de Veículos Motorizados e a Comissão Estadual de Rodovias foram consolidados no novo departamento e no recém-designado Conselho de Transporte. Em 1977, o termo & quotSegurança de rodovias & quot foi abandonado com a criação de um novo Departamento de Controle do Crime e Segurança Pública.

O departamento é chefiado por um secretário executivo nomeado pelo governador. A legislação aprovada em 1973 designa o secretário como membro ex officio do Conselho de Transportes que ele preside. Em 1977, o antigo Conselho de Transporte foi reformado e o Conselho de Estradas Secundárias abolido pela formação de um órgão central & # 151 o novo Conselho de Transporte & # 151 para supervisionar o desenvolvimento do transporte e os problemas em
Carolina do Norte.

O ponto importante da lei de reorganização original era o agrupamento de todas as responsabilidades de transporte, aviação e trânsito de massa, bem como rodovias, em um departamento sob um único controle administrativo. Com esta nova fase de reorganização, o fim ainda será alcançado.


A nomeação de Pete Buttigieg faz história de várias maneiras

Para revisar este artigo, visite Meu perfil e, em seguida, Exibir histórias salvas.

Fotografado por Ethan James Green, Voga, Junho de 2019

Para revisar este artigo, visite Meu perfil e, em seguida, Exibir histórias salvas.

Dois anos atrás, Pete Buttigieg era o pouco conhecido prefeito de South Bend, Indiana, prestes a lançar uma candidatura altamente improvável à presidência. Agora, depois de uma campanha que o impulsionou brevemente para o status de favorito e, em seguida, uma campanha de mídia que o tornou talvez o substituto de campanha mais bem-sucedido do presidente eleito Joe Biden, ele está prestes a ser o próximo secretário de transportes - e o primeira pessoa assumidamente gay confirmada para um cargo no Gabinete na história do país.

Biden anunciou na terça-feira que nomearia Buttigieg para o cargo, chamando seu ex-rival de campanha de "um patriota e um solucionador de problemas que fala o melhor de quem somos como nação". A escolha foi aclamada pela Campanha de Direitos Humanos, que no mês passado instou o presidente eleito a nomear pessoas LGBTQ para cargos importantes em seu governo. “Sua voz como um campeão da comunidade LGBTQ na sala do Gabinete ajudará o presidente eleito Biden a reconstruir nossa nação melhor, mais forte e mais igualitária do que antes”, disse Alphonso David, presidente do HRC, em comunicado divulgado após a notícia começou a vazar.

Buttigieg não será tecnicamente a primeira pessoa assumidamente gay a preencher um cargo de nível ministerial, mas a pessoa que detém essa distinção - Richard Grenell, que atuou por um breve período como diretor interino de inteligência nacional de Donald Trump - nunca foi confirmada pelo Senado. (Alguns meios de comunicação conservadores criticaram a primeira designação abertamente gay concedida a Buttigieg, dizendo que ela diminui as realizações de Grenell. “Essas alegações equivalem a encobrir a promoção do presidente Donald Trump do primeiro embaixador de seu governo na Alemanha, Ric Grenell, para servir como diretor de inteligência nacional de fevereiro a maio deste ano - uma posição de nível de gabinete ”, escreveu o The Federalist's Tristan Justice na quarta-feira.)

Até agora, a administração de Biden está se moldando para ser uma das mais diversificadas da história quando se trata de representação LGBTQ. Karine Jean-Pierre, chefe de gabinete da vice-presidente eleita Kamala Harris, foi recentemente anunciada como principal vice-secretária de imprensa da Casa Branca, e Pili Tobar, defensora dos direitos de imigração e ex-assessor do senador Chuck Schumer, foi nomeada vice-secretária da Casa Branca diretor de comunicações. Carlos Elizondo, que era secretário social de Biden quando Biden era vice-presidente, foi nomeado secretário social da Casa Branca.

Na terça-feira, Buttigieg tuitou sua gratidão pela indicação:

E na quarta-feira, seu marido, Chasten Buttigieg, observou a natureza histórica de sua nomeação:

Se confirmado, Buttigieg, de 38 anos, também será o primeiro millennial a ocupar um cargo sênior na administração Biden e um dos mais jovens membros do Gabinete da história. Julián Castro tinha 39 anos quando Barack Obama o nomeou secretário de Habitação em 2014, e Alexander Hamilton tinha cerca de 30 anos quando se tornou o primeiro secretário do Tesouro do país.

Em seus comentários em Wilmington, Delaware, na quarta-feira, antes de apresentar formalmente sua escolha para secretário de transportes, Biden elogiou a diversidade de suas nomeações até agora, dizendo que, quando terminasse, seu gabinete teria mais mulheres e o a maioria das pessoas de cor na história. Seria, disse Biden, “um gabinete de quebradores de barreiras, um gabinete de pioneiros. Um gabinete que se parece com a América. ”

Buttigieg começou seu discurso falando sobre seu amor de longa data por trens, aviões e outras formas de transporte, revelando que na verdade ele havia proposto Chasten em um terminal de aeroporto. (“Portanto, não deixe ninguém dizer que O'Hare não é romântico”, brincou ele.)

Em seguida, além de prometer que sob sua liderança “a ideia da Semana de Infraestrutura está associada a resultados e nunca mais uma piada na mídia”, ele falou sobre a importância do que estava acontecendo neste palco socialmente distanciado do teatro Queen.

“Também estou ciente de que os olhos da história estão nesta nomeação, sabendo que esta é a primeira vez que um presidente americano envia um membro do Gabinete abertamente LGBTQ ao Senado para confirmação”, disse Buttigieg. Ele se lembra de ter assistido ao noticiário, quando tinha 17 anos, quando o então presidente Bill Clinton tentou nomear um embaixador assumidamente gay, apenas para ver a escolha difamada e, finalmente, posta de lado até que Clinton pudesse marcar uma nomeação para o recesso. “Duas décadas depois”, disse Buttigieg, “não consigo deixar de pensar em um jovem de 17 anos em algum lugar que pode estar nos observando agora, alguém que se pergunta se e a que lugar pertence, no mundo ou mesmo em seu próprio família, e estou pensando na mensagem que o anúncio de hoje está enviando a eles ”.

Buttigieg foi um adversário feroz e muitas vezes altamente crítico de Biden nos primeiros dias da campanha presidencial de 2020. Mas assim que ele desistiu, pouco antes da Super terça-feira, Buttigieg tornou-se um substituto igualmente feroz para o candidato democrata, especialmente em suas aparições na Fox News, onde ele habilmente defendeu os anfitriões inclinados a Trump e apontou com naturalidade os repetidos falsidades sendo perpetradas pelo presidente.

Pete Buttigieg deixou de ser um dos rivais mais ferozes de Joe Biden para se tornar um de seus substitutos mais eficazes na campanha.

Um telespectador regular da Fox aparentemente não gostou do tempo de antena dado ao jovem político. “É difícil acreditar que @FoxNews está perdendo tempo no ar com o prefeito Pete, como Chris Wallace gosta de chamá-lo”, tuitou Donald Trump pouco antes de uma aparição em maio do ano passado. “A Fox está se movendo cada vez mais para o lado perdedor (errado) na cobertura dos Dems. Eles foram dispensados ​​dos debates enfadonhos dos democratas e só querem entrar. Eles se esqueceram das pessoas que os levaram até lá ”.


Fatos Chave

Buttigieg é a primeira pessoa assumidamente gay a ser confirmada pelo Senado para um cargo de gabinete. Aos 39 anos, é também um dos mais jovens secretários de Transporte da história.

O presidente Joe Biden disse que Buttigieg desempenharia um papel central na resposta à Covid-19, que matou mais de 440.000 americanos e causou estragos na economia dos EUA. As part of the “Build Back Better” initiative, Buttigieg is also expected to focus on climate change and racial justice in the economic recovery.


Biografia

Secretary Elaine Chao is an inspirational and consequential leader who has been appointed to two Presidential cabinet positions: U. S. Secretary of Transportation e U. S. Secretary of Labor . When she was unanimously confirmed to her first cabinet post as Secretary of Labor, she became the first woman of Asian American & Pacific Islander heritage to serve in the President’s cabinet in history.

She arrived in the United States in third grade not knowing how to speak English. She received her citizenship at the age of 19. It was her experience transitioning to a new country that motivated her to ensure that everyone has access to the opportunities in our country.

Secretary Chao is an inspirational and consequential leader who has been appointed to two Presidential cabinet positions: U. S. Secretary of Transportation e U. S. Secretary of Labor . When she was unanimously confirmed to her first cabinet post as Secretary of Labor, she became the first woman of Asian American & Pacific Islander heritage to serve in the President’s cabinet in history.

She arrived in the United States in third grade not knowing how to speak English. She received her citizenship at the age of 19. It was her experience transitioning to a new country that motivated her to ensure that everyone has access to the opportunities in our country.


General Records of the Department of Transportation [DOT]

Estabelecido: By the Department of Transportation Act (80 Stat. 931), October 15, 1966, consolidating highway, rail, air, and marine transportation functions previously vested in Departments of Commerce, the Treasury, and the Interior Interstate Commerce Commission Civil Aeronautics Board Federal Aviation Agency and Saint Lawrence Seaway Development Corporation. Became operational April 1, 1967. Acquired urban mass transit functions from Department of Housing and Urban Development, 1968. Acquired Electronic Research Center (transportation safety research) from National Aeronautics and Space Administration, 1970. Acquired Maritime Administration from Department of Commerce, 1981.

  • Office of the Under Secretary for Transportation, Department of Commerce (DOC, 1950-67)
  • Office of Road Inquiry, Department of Agriculture (DOA, 1893-99)
  • Office of Public Road Inquiries, DOA (1899-1905)
  • Office of Public Roads, DOA (1905-15)
  • Office of Public Roads and Rural Engineering, DOA (1915-18)
  • Bureau of Public Roads, DOA (1918-39)
  • Public Roads Administration, Federal Works Agency (1939-49)
  • Bureau of Public Roads, General Services Administration (1949)
  • Bureau of Public Roads, DOC (1949-67)
  • Bureau of Motor Carriers, Interstate Commerce Commission (ICC, 1935-65)
  • Section of Motor Carrier Safety, Bureau of Operations and Compliance, ICC (1965-67)
  • National Traffic Safety Agency, DOC (1966-67)
  • National Highway Safety Agency, DOC (1966-67)
  • Office of High-Speed Ground Transportation, DOC (1965-67)
  • Alaska Engineering Commission (1914-15)
  • Alaska Engineering Commission, Department of the Interior (DOI, 1915-23)
  • The Alaska Railroad, DOI (1923-67)
  • Office of the Secretary, ICC (1893-1911)
  • Division of Safety Appliances, ICC (1911-14)
  • Division of Safety, ICC (1914-17)
  • Bureau of Safety, ICC (1917-54, to Bureau of Safety and Service)
  • Division of Locomotive Boiler Inspection, ICC (1911-15)
  • Division of Locomotive Inspection, ICC (1915-17)
  • Bureau of Locomotive Inspection, ICC (1917-54, to Bureau of Safety and Service)
  • Division of Car Service, ICC (1917)
  • Bureau of Car Service, ICC (1917-20)
  • Bureau of Service, ICC (1920-54, to Bureau of Safety and Service)
  • Bureau of Safety and Service, ICC (1954-65)
  • Bureau of Railroad Safety and Service, ICC (1965-67)
  • Section of Explosives, Bureau of Service, ICC (1925-34)
  • Explosives and Dangerous Articles Branch, Section of Railroad Safety, Bureau of Safety and Service, ICC (1954-65)
  • Section of Explosives and Dangerous Articles, Bureau of Operations and Compliance, ICC (1965-67)
  • Aeronautics Branch, DOC (1926-34)
  • Bureau of Air Commerce, DOC (1934-38)
  • Civil Aeronautics Authority (1938-40)
  • Civil Aeronautics Administration, DOC (1940-58, to Federal Aviation Agency, FAA)
  • Civil Aeronautics Board (safety regulatory functions only, 1940- 58, to FAA)
  • Federal Aviation Agency (1958-67)
  • Air Regulations Division, Aeronautics Branch (AB), DOC (1926-29)
  • Air Regulation Service, AB, DOC (1929-34)
  • Air Regulation Division, Bureau of Air Commerce (BAC), DOC (1934- 37, to Safety and Planning Division, Certificate and Inspection Division, and Regulation and Enforcement Division)
  • Safety and Planning Division, BAC, DOC (1937-38, to Civil Aeronautics Authority, CAA)
  • Certificate and Inspection Division, BAC, DOC (1937-38, to CAA)
  • Regulation and Enforcement Division, BAC, DOC (1937-38, to CAA)
  • Bureau of Safety Regulation, CAA (1938-40, to Safety Bureau, Civil Aeronautics Board, CAB)
  • Air Safety Board, CAA (1938-40, to Safety Bureau, CAB)
  • Safety Bureau, CAB (1940-48, to Bureau of Safety Regulation and Bureau of Safety Investigation)
  • Bureau of Safety Regulation, CAB (1948-57, to Bureau of Safety)
  • Bureau of Safety Investigation, CAB (1948-57, to Bureau of Safety)
  • Bureau of Safety, CAB (1957-67)
  • Revenue Marine Division, Department of the Treasury (DT, 1843-49, 1871-94) Revenue Cutter Service, DT (1894-1915, to United States Coast Guard, USCG)
  • Life Saving Service, Revenue Marine Division, DT (1871-78)
  • Life Saving Service, DT (1878-1915, to USCG)
  • United States Coast Guard, DT (1915-67)
  • Lighthouse Service, DT (1792-1852)
  • Lighthouse Board, DT (1852-1903)
  • Lighthouse Board, Department of Commerce and Labor (DOCL, 1903- 10)
  • Bureau of Lighthouses, DOCL (1910-13)
  • Bureau of Lighthouses, DOC (1913-39, to USCG)
  • Steamboat Inspection Service, DT (1852-1903)
  • Steamboat Inspection Service, DOCL (1903-13)
  • Steamboat Inspection Service, DOC (1913-32, to Bureau of Navigation and Steamboat Inspection)
  • Bureau of Navigation, DT (1884-1903)
  • Bureau of Navigation, DOCL (1903-13)
  • Bureau of Navigation, DOC (1913-32, to Bureau of Navigation and Steamboat Inspection)
  • Bureau of Navigation and Steamboat Inspection, DOC (1932-36)
  • Bureau of Marine Inspection and Navigation, DOC (1936-42, to Bureau of Customs and USCG)
  • Bureau of Customs, DT (vessel documentation only, 1942-67, to USCG)
  • Great Lakes Pilotage Administration, DOC (1960-67)
  • Saint Lawrence Seaway Development Corporation (1954-67)
  • U.S. Shipping Board (1917-34)
  • U.S. Shipping Board Bureau, DOC (1934-36)
  • U.S. Maritime Commission (1936-50)
  • Federal Maritime Board (1950-61, maritime subsidy functions to Maritime Administration)
  • Maritime Administration, DOC (1950-81)
  • Office of Transportation, Housing and Home Finance Agency (1961-65)
  • Urban Transportation Administration, Department of Housing and Urban Development (1965-68)
  • Electronic Research Center, National Aeronautics and Space Administration (NASA, 1965-66)
  • Electronic Research Center, Office of Advanced Research and Technology, NASA (1966-70)

Funções: Establishes national transportation policies affecting highways, railroads, urban mass transit systems, and aviation. Develops and enforces safety regulations for highways, waterways, ports, and oil and gas pipelines. Administers United States Coast Guard, Federal Aviation Administration, Federal Highway Administration, Federal Railroad Administration, National Highway Traffic Safety Administration, Federal Transit Administration, Maritime Administration, Saint Lawrence Seaway Development Corporation, and Research and Special Programs Administration.

Administered National Transportation Safety Board until it was designated an independent agency, effective April 1, 1975, by the Independent Safety Board Act of 1974 (88 Stat. 2166), January 3, 1975.

Administered The Alaska Railroad until it was transferred to the State of Alaska, January 5, 1985, pursuant to the Alaska Railroad Transfer Act of 1982 (96 Stat. 2556), January 14, 1983.

Registros Relacionados:
Record copies of publications of the Department of Transportation in RG 287, Publications of the U.S. Government.
Records of the U.S. Coast Guard, RG 26.
Records of the Bureau of Public Roads, RG 30.
General Records of the Department of Commerce, RG 40.
Records of the Interstate Commerce Commission, RG 134.
Records of the Civil Aeronautics Board, RG 197.
Records of the Federal Aviation Administration, RG 237.
Records of The Alaska Railroad, RG 322.
Records of the Maritime Administration, RG 357.
Records of the Federal Railroad Administration, RG 399.
Records of the Federal Highway Administration, RG 406.
Records of the National Highway Traffic Safety Administration, RG 416.
Records of the Research and Special Programs Administration (Transportation), RG 467.

398.2 General Records of the Department of Transportation
1958-79

História: Office of the Under Secretary for Transportation established in Department of Commerce by Department Order 128, November 20, 1950, with supervisory responsibility over transportation functions exercised by various departmental components. Abolished, effective April 1, 1967, by Amendment 2 to Department Order 83, April 10, 1967, with functions transferred to newly established DOT, and assigned to Office of the Secretary of Transportation. See 398.1.

Highway transportation functions:

Office of Road Inquiry established in Department of Agriculture (DOA), October 3, 1893, by the Agricultural Appropriation Act (27 Stat. 737), March 3, 1893. Redesignated Office of Public Road Inquiries, 1899. Consolidated with Division of Tests in Bureau of Chemistry, DOA, to form Office of Public Roads, effective July 1, 1905, by the Agricultural Appropriation Act (33 Stat. 882), March 3, 1905. Further consolidated with Drainage Division and Irrigation Division of Office of Experiment Stations, DOA, acquiring also farm architectural functions of Office of Farm Management Investigations, to form Office of Public Roads and Rural Engineering, by the Agricultural Appropriation Act (38 Stat. 1110), March 4, 1915. Redesignated Bureau of Public Roads, retroactive to July 1, 1918, by the Agricultural Appropriation Act (40 Stat. 1000), October 1, 1918. Transferred to Federal Works Agency by Reorganization Plan No. I of 1939, effective July 1, 1939, and redesignated Public Roads Administration. Transferred to General Services Administration, July 1, 1949, by the Federal Property and Administrative Services Act (63 Stat. 380), June 30, 1949, and redesignated Bureau of Public Roads. Transferred to Department of Commerce (DOC) by Reorganization Plan No. 7 of 1949, effective August 20, 1949. Transferred to DOT and assigned to Federal Highway Administration (FHA), 1967. See 398.1. Functions absorbed by FHA, August 10, 1970.

Interstate Commerce Commission (ICC)

Bureau of Motor Carriers established to administer provisions of the Motor Carrier Act (49 Stat. 543), August 9, 1935. Redesignated Section of Motor Carrier Safety in newly established Bureau of Operations and Compliance as part of an ICC reorganization, 1965. Transferred to DOT and assigned to FHA as Bureau of Motor Carrier Safety, 1967. See 398.1.

National Traffic Safety Agency

National Highway Safety Agency

Concurrently established in Office of the Under Secretary for Transportation, DOC, by the Motor Vehicle Safety Act and the National Highway Safety Act (80 Stat. 718 and 80 Stat. 731), September 9, 1966. Concurrently transferred to DOT and assigned to newly established FHA, 1967. See 398.1. Consolidated to form National Highway Safety Bureau, FHA, by EO 11357, June 6, 1967. Designated an autonomous operating unit of DOT, March 22, 1970. Abolished, with functions transferred to National Highway Transportation Safety Administration, DOT, by the Highway Safety Act of 1970 (84 Stat. 1739), December 31, 1970.

Rail transportation functions:

Office of High-Speed Ground Transportation

Established in Department of Commerce (DOC) to administer an act mandating a study of high-speed ground transportation (79 Stat. 893), September 30, 1965. Transferred to DOT and assigned to Federal Railroad Administration (FRA), 1967. See 398.1. Terminated, with functions transferred to newly established Office of the Associate Administrator for Research, Development, and Demonstrations, FRA, 1972.

Construction and operation of railroad in Territory of Alaska authorized by the Alaska Railroad Act (38 Stat. 305), March 12, 1914, which further directed the President to appoint an Alaska Engineering Commission to supervise construction. Commission placed under Department of the Interior (DOI) by EO 2129, January 26, 1915. DOI authorized to operate railroad by EO 3861, June 8, 1923. Construction completed and railroad opened, July 15, 1923, with operating responsibility vested in Alaska Railroad Commission. Redesignated The Alaska Railroad by Secretary's Order, August 15, 1923. Transferred to Division of Territories and Island Possessions, DOI, by Secretary's Order 1040, February 13, 1936. Transferred to Office of Territories (successor to Office of Territories and Island Possessions), DOI, by Administrative Order 2577, July 28, 1950. Acquired independent status within DOI by manual release, December 16, 1959. Transferred to DOT and assigned to FRA, 1967. See 398.1. Transferred to State of Alaska, 1985.

Interstate Commerce Commission

Office of the Secretary made responsible for issuing and enforcing safety regulations for specified types of railroad equipment by the Safety Appliance Act of 1893 (27 Stat. 531), March 2, 1893. Functions transferred to newly established Division of Safety Appliances, July 1, 1911. Redesignated Division of Safety, 1914. Redesignated Bureau of Safety, October 17, 1917.

Division of Locomotive Boiler Inspection established July 1, 1911, to administer provisions of an act of February 17, 1911 (36 Stat. 913), requiring inspection of locomotive boilers. Redesignated Division of Locomotive Inspection pursuant to an act of March 4, 1915 (38 Stat. 1192), expanding inspection function to include entire locomotive engine and tender. Redesignated Bureau of Locomotive Inspection, October 17, 1917.

Division of Car Service established July 9, 1917, pursuant to the Esch Car Service Act (40 Stat. 101), May 29, 1917, to regulate railroad cars used in the transport of property. Redesignated Bureau of Car Service, October 17, 1917. Redesignated Bureau of Service, April 1920.

Bureaus of Safety, Locomotive Inspection, and Service consolidated to form Bureau of Safety and Service, June 1, 1954. Redesignated Bureau of Railroad Safety and Service in ICC reorganization, 1965. Transferred to DOT and consolidated into Bureau of Railroad Safety, FRA, 1967. See 398.1.

Section of Explosives established in Bureau of Service, April 1, 1925. Redesignated Explosives and Dangerous Articles Branch, Section of Railroad Safety, Bureau of Safety and Service, 1954. Transferred to Bureau of Operations and Compliance, as Section of Explosives and Dangerous Articles, 1965. Transferred to DOT and consolidated into Bureau of Railroad Safety, FRA, 1967. See 398.1.

Air transportation functions:

Federal Aviation Agency (FAA)

Aeronautics Branch established in Department of Commerce (DOC) by the Air Commerce Act of 1926 (44 Stat. 568), May 20, 1926. Redesignated Bureau of Air Commerce (BAC), July 1, 1934. Abolished by EO 7959, August 22, 1938, with functions transferred to Civil Aeronautics Authority (CAA), established as an independent agency by the Civil Aeronautics Act (52 Stat. 973), June 23, 1938, to regulate civil aeronautics and to promote its development and safety. CAA abolished and superseded in DOC by Civil Aeronautics Board (CAB) and Civil Aeronautics Administration, pursuant to Reorganization Plans Nos. III and IV of 1940, effective June 30, 1940. Civil Aeronautics Administration abolished by the Federal Aviation Act of 1958 (72 Stat. 731), August 23, 1958, with functions transferred to FAA, established by same act. FAA transferred to DOT and redesignated Federal Aviation Administration, 1967. See 398.1.

Civil Aeronautics Board (CAB)

Air Regulations Division established in Aeronautics Branch, DOC, implementing the Air Commerce Act of 1926 (44 Stat. 568), May 20, 1926. Responsible for inspecting and registering aircraft, examining and licensing pilots, investigating air accidents, and enforcing air traffic rules. Redesignated Air Regulation Service, November 1929. Transferred to newly established BAC and redesignated Air Regulation Division, July 1, 1934. Abolished in BAC reorganization, April 1937, with functions divided among newly established Safety and Planning, Certificate and Inspection, and Regulation and Enforcement Divisions. BAC abolished by EO 7959, August 22, 1938, pursuant to establishment of CAA, June 23, 1938, with regulatory and investigative functions transferred to CAA and assigned respectively to newly established Bureau of Safety Regulation and Air Safety Board. Pursuant to abolition of CAA and establishment of CAB, effective June 30, 1940, Bureau of Safety Regulation and Air Safety Board functions transferred to CAB and assigned to newly established Safety Bureau. Safety Bureau abolished, with regulatory functions assigned to newly established Bureau of Safety Regulation and investigative functions to newly established Bureau of Safety Investigation, 1948. Consolidated as Bureau of Safety, CAB, 1957. Regulatory functions transferred to newly established Federal Aviation Agency (see above), 1958. Bureau of Safety transferred to DOT and assigned to newly established National Transportation Safety Board as Bureau of Aviation Safety, 1967. See 398.1.

Marine transportation functions:

Revenue Marine Division established in Department of the Treasury (DT), 1843, assuming from collectors of customs responsibility for supervision of DT revenue cutters. Abolished, with function reassumed by collectors of customs, 1849. New Revenue Marine Division established, 1871. Redesignated Revenue Cutter Service by an act of July 31, 1894 (28 Stat. 171). Merged with Life Saving Service, DT, to form United States Coast Guard (USCG), DT, 1915. See USCG below.

Established in Revenue Marine Division, DT, 1871. Placed under a general superintendent immediately responsible to Secretary of the Treasury by an act of June 18, 1878 (20 Stat. 163). Merged with Revenue Cutter Service to form USCG, DT, 1915. See USCG below.

United States Coast Guard

Established in DT by an act of January 28, 1915 (38 Stat. 800), merging Revenue Cutter and Life Saving Services. Acquired functions of abolished Bureau of Lighthouses, Department of Commerce (DOC), by Reorganization Plan No. II of 1939, effective July 1, 1939 (see below). By EO 9083, February 28, 1942, effective March 1, 1942, acquired functions of Bureau of Marine Inspection and Navigation relating to navigation, vessel inspection, and merchant seamen (see below). Transferred to DOT, acquiring in process the functions of the Great Lakes Pilotage Administration (see below) and Bureau of Customs functions relating to admeasurement and documentation of American vessels, 1967. See 398.1.

Responsibility for maintenance and operation of lighthouses initially vested in Secretary of the Treasury by an act of August 7, 1789 (1 Stat. 53). Responsibility for Lighthouse Service delegated to Commissioner of Revenue, 1792, and to Lighthouse Board, established in DT, October 9, 1852, by an act of August 31, 1852 (10 Stat. 119). Transferred to Department of Commerce and Labor (DOCL) by the Department of Commerce Act (32 Stat. 825), February 14, 1903. Superseded by Bureau of Lighthouses pursuant to an act of July 17, 1910 (36 Stat. 537). Assigned to DOC upon separation of DOC from DOCL by the Department of Commerce Act (37 Stat. 736), March 4, 1913. Abolished by Reorganization Plan No. II of 1939, effective July 1, 1939, with functions transferred to USCG, DT. See USCG above.

Bureau of Marine Inspection and Navigation

Steamboat Inspection Service (SIS) established in DT by the Steamboat Act (10 Stat. 61), August 30, 1852, to assume vessel inspection functions previously vested in U.S. district courts. Bureau of Navigation (BN) established in DT by an act of July 5, 1884 (23 Stat. 118) to consolidate the administration of all navigation laws except those relating to vessel inspection, lighthouses, lifesaving, and revenue collection. SIS and BN transferred to DOCL by the act creating the department (32 Stat. 825), February 14, 1903, and to newly established DOC by an act of March 4, 1913 (37 Stat. 736). Consolidated to form Bureau of Navigation and Steamboat Inspection by an appropriations act (47 Stat. 415), June 30, 1932, effective August 1, 1932. Redesignated Bureau of Marine Inspection and Navigation by an act of May 27, 1936 (49 Stat. 1380). Merchant vessel documentation functions transferred to Bureau of Customs, DT and functions relating to merchant vessel inspection, safety of life at sea, and merchant vessel personnel transferred to USCG (see above), DT, by EO 9083, February 28, 1942. Functional transfers made permanent and bureau abolished by Reorganization Plan No. III of 1946, effective July 16, 1946.

Great Lakes Pilotage Administration

Established in DOC to administer the Great Lakes Pilotage Act of 1960 (74 Stat. 259), June 30, 1960. Transferred to DOT, 1967, and abolished, with functions transferred to USCG (see above). See 398.1.

Saint Lawrence Seaway Development Corporation

Established as an independent agency by an act of May 13, 1954 (68 Stat. 92). Retained independent agency status under general direction and supervision of Secretary of Defense by EO 10534, June 9, 1954. Supervisory responsibility for completion of Saint Lawrence Seaway retained by Department of Defense, with all other supervisory functions transferred to Secretary of Commerce, by EO 10771, June 20, 1958. Transferred to DOT, 1967. See 398.1.

U.S. Shipping Board established January 30, 1917, pursuant to the Shipping Act (39 Stat. 729), September 7, 1916, to regulate commercial maritime carriers and trade practices, marine insurance, transfers of ship registry, and rates charged in interstate waterborne commerce. Abolished, effective March 2, 1934, with functions transferred to U.S. Shipping Board Bureau, DOC, by EO 6166, June 10, 1933. Abolished, with functions transferred to newly established U.S. Maritime Commission, by the Merchant Marine Act (49 Stat. 1985), June 29, 1936. Abolished, with functions divided between Maritime Administration (MA) in DOC, and Federal Maritime Board (FMB), by Reorganization Plan No. 21, effective May 24, 1950. FMB abolished, August 12, 1961, by Reorganization Plan No. 7 of 1961, with maritime subsidy functions assigned to MA. MA transferred to DOT by the Maritime Act of 1981 (95 Stat. 151), August 6, 1981. See 398.1.

Urban mass transit functions:

Urban Mass Transit Administration

Office of Transportation established in Housing and Home Finance Agency (HHFA), 1961, to administer mass transit demonstration project and loan program provisions of the Housing Act of 1961 (75 Stat. 149), June 30, 1961. HHFA abolished by the Department of Housing and Urban Development (HUD) Act (79 Stat. 669), September 9, 1965, with mass transportation functions transferred to HUD and assigned to newly established Urban Transportation Administration (UTA). UTA abolished, with all functions except grant-making authority for mass transportation research projects transferred to DOT and assigned to newly established Urban Mass Transportation Administration, by Reorganization Plan No. 2 of 1968, effective July 1, 1968. See 398.1. Redesignated Federal Transit Administration by an act of December 18, 1991 (105 Stat. 2088).

Transportation safety research functions:

Electronic Research Center

Established in Cambridge, MA, as a component of National Aeronautics and Space Administration (NASA), with responsibility for research in instrumentation, communications, data processing, navigation, guidance, and control, 1965. Assigned to Office of Advanced Research and Technology, NASA, 1966. Transferred to DOT, assigned to Office of the Under Secretary of Transportation, and redesignated Transportation Systems Center, July 1, 1970. See 398.1. Transferred to Office of the Assistant Secretary for Systems Development and Technology, 1973. Consolidated with Materials Transportation Bureau (see RG 467), by DOT Directive 1100.23A, Change 81, September 23, 1977, to form Research and Special Programs Directorate. Redesignated Research and Special Programs Administration by Change 96 to DOT Directive 1100.23A, April 27, 1978.

398.2.1 Records of the Office of the Under Secretary for
Transportation, Department of Commerce

Registros Textuais: General correspondence, 1961-67. General correspondence of the Office of Transportation Policy Development, 1958-67.

Registros Relacionados: Additional records of the Office of the Under Secretary for Transportation in RG 40, General Records of the Department of Commerce.

398.2.2 Records of the Office of the Secretary of Transportation

Registros Textuais: General correspondence, 1967-72, and, on microfilm, 1973-83 (607 rolls), with accompanying document lists, 1973-78. Subject files, 1971-75. Orders and notices, 1965-83. Records relating to the Secretary's travel, 1968-77. Records relating to the Secretary's speeches and appointments, 1965-76. Records relating to advisory and inter-agency committees, 1974-81. Records relating to the development of National Transportation Policy, Phase 1, 1989-90. Records relating to the development of National Transportation Policy, Phase 2, 1990-93. Records relating to departmental strategic planning, 1989-93. Records relating to the DOT 25th Anniversary Conference, May 13, 1992. Weekly reports to the Secretary from components of the Office of the Secretary and from DOT operating administrations ("Reports of Weekly Highlights"), 1967-77. Bi-weekly reports to the Secretary from components of the Office of the Secretary and from DOT operating administrations ("Reports of Bi-weekly Highlights"), 1977-79.

Registros legíveis por máquina: Index to memoranda and correspondence of the executive secretariat, 1979-91, with supporting documentation.

398.2.3 Records of the Office of the Assistant Secretary for
Administração

Registros Textuais: General correspondence, 1966-71. Organization manual, 1968-81.

398.2.4 Records of the Office of Public Affairs

Registros Textuais: Press releases, 1982-85. Transportation News Digest, 1981-85.

398.3 Records of the Office of the Assistant Secretary for Policy
and International Affairs
1969-74

Registros Textuais: General files, 1966-67, 1970, 1974. Subject files, 1967-69.

Registros legíveis por máquina: Northeast Corridor Intercity Travel Study, 1969-71, with supporting documentation (5 data sets).

Encontrar ajudas: National Archives microfiche edition of preliminary inventories.

398.4 Records of the Office of the Assistant Secretary for Systems
Development and Technology
1973-83

Registros Textuais: Records of the Office of University Research including research and development technical reports, 1973-83.

Registros Relacionados: Records of the Volpe National Transportation Systems Center, 1965-93, in RG 467, Records of the Research and Special Programs Administration (Transportation).

398.5 Records of the Office of General Counsel
1967-74

Registros Textuais: Records of the Office of the Assistant General Counsel for Legislation including general correspondence, 1967-74 and general legislative program files, 1967-84.

398.6 Video Recordings (General)
1975-79, 1990-92

DOT officials' news conferences and interviews, 1975-79 (23 items). Speech by President Jimmy Carter, February 24, 1977 (1 item). Interviews of First Lady Rosalynn Carter, December 11, 1977, and Assistant to the President Hamilton Jordan, August 2, 1978 (2 items). Feature story on railroads, December 14, 1978 (1 item). Conference on workforce diversity with Secretary Samuel K. Skinner, October 25, 1990 (1 item). National Transportation Policy (NTP) Phase 2 productions including "Moving America into the 21st Century," March 1990 "People . . . Mission . . . Organization . . . Launching Phase 2 of NTP," June 13, 1990 "Moving America Together into the 21st Century," June 13, 1990 "Transportation Opportunities, Organizational Challenges," April 11, 1991 and "The Future Starts Here," May 13, 1992 (17 items).

398.7 Sound Recordings (General)
1970-77

Press conferences, briefings, speeches, and Congressional testimony of DOT officials, 1970-77 (257 items).

398.8 Machine-Readable Records (General)

Nota bibliográfica: Versão web baseada no Guia de Registros Federais dos Arquivos Nacionais dos Estados Unidos. Compilado por Robert B. Matchette et al. Washington, DC: National Archives and Records Administration, 1995.
3 volumes, 2.428 páginas.

Esta versão da Web é atualizada de tempos em tempos para incluir registros processados ​​desde 1995.


MARYLAND PORT COMMISSION

Appointed by Governor with Senate advice & consent to 3-year terms: Brenda A. Dandy, 2021 Edward F. McDonald, 2021 Christian R. Dean, 2022 J. Robert Huber, Sr., 2022 John A. Lunn, Sr., D.Min., 2023 David M. Richardson, 2023.

Ex officio (nonvoting): Kelly M. Schulz, Secretary of Commerce.

Meetings: 1st Tuesday, 9:00 a.m.

MARYLAND PORT ADMINISTRATION

      CHIEF OF STAFF
      Christina L. Nichols, Chefe de Gabinete (410) 385-4437 e-mail: [email protected]

        GOVERNMENT AFFAIRS
        Jennifer C. Guthrie, Gerente (410) 385-4484
        e-mail: [email protected]

        CAPITAL PLANNING
        Thomas O. Hall, Special Assistant (410) 385-4830 e-mail: [email protected]

      MARKET PLANNING
      Vacancy, Gerente (410) 385-4439

      FINANCE
      Wonza F. Spann-Nicholas, Director & Chief Financial Officer (410) 385-4560
      e-mail: [email protected]

      ACCOUNTING & FINANCIAL SERVICES
      Mary Kay Radford, Gerente (410) 385-4697
      e-mail: [email protected]

      BUDGET
      Anthony L. Moore, Gerente (410) 385-4738
      e-mail: [email protected]

      MANAGEMENT INFORMATION SERVICES
      Myung-Ki Choi, Gerente (410) 385-4885
      e-mail: [email protected]

        Patrice LeBond, Real Property Administrator (410) 385-4410
        Daren J. Dean, World Trade Center Building Manager (410) 385-4707
        e-mail: [email protected]@marylandports.com

      TAIWAN
      Shin-I Lin, Diretor 011 (886) 2-2314-8952 fax: 011 (886) 2-2381-3717
      9 F1, 83 Chung King S. Road, Sec. 1, Taipei, Taiwan R.O.C.
      e-mail: [email protected]

      NEW YORK
      Charles L. McGinley, Regional Sales Manager (908) 964-0772 fax: (908) 964-0882
      445 Winthrop Road, Union, NJ 07083
      e-mail: [email protected]

      LOGISTICS & PORT OPERATIONS
      (J00D0001)
      FY2021 appropriation: $51,525,057 authorized positions: 174
      Brian W. Miller, Deputy Executive Director (410) 385-4829
      e-mail: [email protected]

          CRANES & FACILITY MAINTENANCE
          Joseph F. Nickoles, Deputy Director (410) 633-1116
          e-mail: [email protected]

        MARYLAND TRANSIT ADMINISTRATION

        Appointed by Maryland Transit Administrator:
        Ally Amerson M. Linda Greene Benjamin Groff Sachin Hebar Matt Peterson Susan Sperry Lauren Stevens Jed Weeks.

        ADMINISTRATION
        Peter J. Tollini, Chief Administrative Officer (410) 767-0029
        e-mail: [email protected]

        Veronica D. Lowe, Deputy Director (410) 767-3865 e-mail: [email protected]

        OFFICE OF COMMUNICATIONS & MARKETING
        Veronica A. Battisti, Senior Director (410) 767-8748 e-mail: [email protected]
        Linda Eby, Deputy Director (410) 767-8746 e-mail: [email protected]

        FINANCE
        Glenn E. Davis, Chief Financial Officer (410) 767-6044
        e-mail: [email protected]

        Charlotte Khan, Deputy Director (410) 767-8780 e-mail: [email protected]

          OFFICE OF PERFORMANCE MANAGEMENT
          Philip D. Sullivan, Chief Performance Officer (410) 767-8760 e-mail: [email protected]

        Lt. Col. Fred W. Damron, Jr., Deputy Chief of Police (410) 454-1633
        e-mail: [email protected]

            ADMINISTRATIVE DIVISION
            Capt. E. Lee Fenner, Comandante (410) 454-1651 e-mail: [email protected]

          OPERATIONS BUREAU
          Maj. Jerome E. Howard, Jr., Comandante (410) 454-1621
          e-mail: [email protected]

            NORTHERN DISTRICT
            Capt. Bryan White, Comandante (410) 454-1671 e-mail: [email protected]

          SOUTHERN DISTRICT
          Capt. Shawn Wallace, Comandante (410) 454-7512 e-mail: [email protected]

          PLANNING, PROGRAM, & ENGINEERING
          Holly Arnold, Deputy Administrator & Chief Planning, Program, & Engineering Officer (410) 767-3027
          e-mail: [email protected]

            OFFICE OF ENGINEERING
            Vernon G. Hartsock, Chief Engineer & Deputy Chief Administrative Officer (410) 767-3323
            e-mail: [email protected]

          OFFICE OF PLANNING & PROGRAMMING
          Kate Sylvester, Diretor (410) 767-3027 e-mail: [email protected]
          Vacancy, Deputy Director (410) 767-3889

          ENVIRONMENTAL PLANNING
          Lauren Molesworth, Gerente (410) 767-3769

          DEPUTY CHIEF OPERATING OFFICER
          Vacancy, Deputy Chief Operating Officer (410) 454-7710

          BUS TRANSPORTATION
          (J00H0102)
          FY2021 appropriation: $491,146,908 authorized positions: 2,119.5
          Robert Bennett, Diretor (410) 454-7171 e-mail: [email protected]
          Ronald E. Clash, Acting Deputy Director (410) 454-7171 e-mail: [email protected]
          web: https://mta.maryland.gov/local-bus

          Light rail train, Cromwell Light Rail Station, 7378 Baltimore & Annapolis Blvd., Glen Burnie (Anne Arundel County), Maryland, October 2018. Photo by Diane F. Evartt.

          MARYLAND TRANSPORTATION AUTHORITY

          Chair: Gregory I. Slater, Secretary of Transportation

          Appointed by Governor with Senate advice & consent to 3-year terms: Dontae S. Carroll, 2023 William C. Ensor III, 2023 Cynthia D. Penny-Ardinger, Esq., 2023 Jeffrey S. Rosen, 2023 William H. Cox, 2024 W. Lee Gaines, Jr., 2024 Mario J. Gangemi, 2024 John F. von Paris, 2024.

                OFFICE OF AUDITS
                Paul Trentalance, Director of Audits (410) 537-1093 e-mail: [email protected]

              DIVISION OF OPERATIONS
              William N. Pines, Chief Operating Officer (410) 456-8045
              e-mail: [email protected]

                DIVISION OF CONSTRUCTION
                Joseph P. Jachelski, Diretor (410) 537-7882 e-mail: [email protected]

                WILLIAM PRESTON LANE, JR. MEMORIAL BRIDGE [BAY BRIDGE]
                Richard E. Jaramillo, Facility Administrator (410) 295-8157 e-mail: [email protected]
                (877) 229-7726 (BAYSPAN) (traffic information)
                web: http://baybridge.maryland.gov/

                ADMINISTRATION BUREAU
                Lt. Col. Lucy C. Lyles, Comandante (410) 537-7738 e-mail: [email protected]

              OPERATIONS BUREAU
              Lt. Col. Joseph F. Scott, Jr., Comandante (410) 537-7760
              e-mail: [email protected]

                LOGISTICS DIVISION
                Maj. Richard A. Ricko, Comandante (410) 537-7630 e-mail: [email protected]

              PATROL DIVISION
              Maj. Ronce E. Alford, Comandante (410) 537-7733 e-mail: [email protected]

              SPECIAL OPERATIONS DIVISION
              Maj. Corey E. McKenzie, Comandante (410) 537-7712 e-mail: [email protected]

                GENERAL ACCOUNTING
                Vacancy, Diretor (410) 537-5758

              REVENUE ACCOUNTING
              Cheryl T. Lewis-Orr, Diretor (410) 537-5752 e-mail: [email protected]

              Maryland Constitutional Offices & Agencies Maryland Departments Maryland Independent Agencies Maryland Executive Commissions, Committees, Task Forces, & Advisory Boards Maryland Universities & Colleges Maryland Counties Maryland Municipalities Maryland at a Glance

              Maryland Manual On-Line

              Search the Manual e-mail: [email protected]


              This web site is presented for reference purposes under the doctrine of fair use. When this material is used, in whole or in part, proper citation and credit must be attributed to the Maryland State Archives. PLEASE NOTE: The site may contain material from other sources which may be under copyright. Rights assessment, and full originating source citation, is the responsibility of the user.


              Assista o vídeo: Cambios en la Secretaría de Comunicaciones y Transportes (Dezembro 2021).